quarta-feira, 26 de outubro de 2011

Procurador da República pedirá anulação do Enem 2011

Oscar Costa Filho diz que vazamento ocorrido em Fortaleza fere princípio da isonomia

Após o anúncio do Ministério da Educação (MEC) de que só os estudantes do Colégio Christus de Fortaleza terão de refazer o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2011 devido ao vazamento de questões da prova, o procurador da República no Ceará Oscar Costa Filho afirmou que vai solicitar à Justiça a anulação da avaliação em todo o território nacional. "O MEC ofereceu uma solução local para uma problema federal. Isso fere o princípio da isonomia de que todos os candidatos devem ser tratados da mesma maneira", diz o procurador. "Todos os alunos disputam as mesmas vagas no SiSU (Sistema de Seleção Unificada, que preenche vagas em universidades federais por meio da nota do Enem): se a prova é cancelada para um grupo, deve ser cancelada para todos", acrescenta.

Veja a matéria completa no site da Veja, clicando aqui.

Nenhum comentário:

Postar um comentário