domingo, 29 de maio de 2011

PRF informa que o concurso de 2009 deve ser retornado sem a Funrio

No total, devem ser ofertadas algo em torno de 750 vagas para o cargo de policial rodoviário.


A Polícia Rodoviária Federal (PRF) deve dar seguimento, sem a Funrio, ao concurso realizado em 2009 para preenchimento de 750 vagas para policial rodoviário, suspenso em novembro do ano passado, devido a suspeitas de fraude por parte da organizadora. O aval, concedido pela Justiça Federal, foi obtido esta semana.

A decisão, favorável à União, foi contestada pela Funrio, sob o argumento de que os dois recursos impetrados pela banca estavam irregulares: um foi protocolado fora do prazo e o outro foi negado pela Justiça.

A conclusão constante no processo – arquivado no site da Seção Judiciário do Distrito Federal sob o número 10475-93.2010.4.3400 – indica que, embora tenha havido fraude de um grupo de funcionários da Funrio em conjunto com outro grupo de candidatos restritos, não há prova cabal de envolvimento dos outros candidatos ou da violação prévia do sigilo dos gabaritos.

Como em nenhuma das ações do processo foi pedida a anulação do concurso, a PRF está livre para retomá-lo.

Fonte: JC Concursos

Veja Também:

.

Nenhum comentário:

Postar um comentário